Exper News - Liderança

Liderança

 


10 perguntas que esgasgam candidatos na entrevista de emprego

fonte Brasil Econômico

Há perguntas que sempre nos pegam de surpresa, mesmo que tenhamos nos preparado para a entrevista; veja como se dar bem com o entrevistador

Há perguntas que sempre fazem os candidatos engasgarem durante a entrevista de emprego

De acordo com um relatório elaborado por uma consultoria americana, 50% das empresas dizem que contratar é maior desafio que elas enfrentam. Se a entrevista de emprego é um evento desafiadosrpara os recrutadores, imagina quão desafiador ela não é para os entrevistados? O site Entrepreneur fez uma lista com 10 perguntas que fazem os candidatos engasgarem na entrevista e deu algumas dicas para os profissionais driblarem essas questões.

Vale destacar que os candidatos não fazem perguntas como essas porque são maus. Essas questões surgem durante a entrevista de emprego porque elas fornecem ao recrutador uma ideia melhor de quem é o candidato que está sendo entrevistado, e se ele é ou não qualificado para o trabalho e para a empresa. Não importa o quão preparado você esteja, essas perguntas vão pegá-lo de surpresa. Para evitar que isso aconteça, siga essas dicas:

1. "Você pode me falar sobre você?"

Essa pergunta até parece ser objetiva e inocente, mas pode ser bastante desafiadora para o entrevistado já que ele pode acabar se perdendo e dando muitos detalhes de sua vida pessoal. Para evitar que isso aconteça, não mencione hobbies ou questões familiares. Mantenha-se focado e fale sobre sua formação, sua carreira, suas experiências de trabalho recentes, e explique como você pode agregar valor à organização.

2. "Você é o tipo de pessoa que checa o e-mail durante as férias?"

Por um lado, você quer demonstrar que se dedica ao trabalho e é confiável. Por outro, você quer mostrar que sabe a importância de ter uma vida equilibrada. Então, a melhor maneira de responder a essa pergunta é mostrando ao empregador que você é 100% comprometido com o seu trabalho, mas que precisa de um tempo fora do escritório. Deixe claro que você cumprirá todas as sua responsabilidades antes de entrar de férias e que você poderá ser contactado se aparecer alguma emergência.

3. "Como você se preparou para essa entrevista?"

Quando os recrutadores fazem essa pergunta, eles querem descobrir se o candidato se importa ou não com o trabalho. Por isso, demonstre que reservou um tempo para pesquisar sobre a empresa e a indústria antes da entrevista, compartilhando informações sobre a empresa e a sua história, mencionando tendências que ocorrem atualmente na sua indústria e demonstrando como você poderá fazer a diferença na organização.

4. "Qual é o emprego dos seus sonhos?"

Essa é outra pergunta usada para determinar o quão interessado você está em trabalhar para essa organização. Por meio dessa pergunta, os recrutadores conseguem descobrir se você é do tipo de profissional que se candidata para qualquer vaga disponível. A melhor resposta nesse caso seria: "Este é o lugar para o qual eu gostaria de trabalhar".

5. "Onde você se vê daqui a cinco anos?"

Muita gente cai nessa pegadinha dizendo que gostaria de continuar estudando para alcançar uma posição melhor em uma indústria totalmente diferente. Quando um candidato diz esse tipo de coisa, o recrutador sabe que ele não tem planos de ficar muito tempo na empresa. Empresas não querem investir em empregados que não planejam permanecer na empresa. Não faz parte dos planos delas contratar pessoas no curto prazo.Contudo, você não precisa mentir. Responda a essa pergunta honestamente: diga que você está buscando um emprego que seja desafiador e pelo qual você seja apaixonado. Se você achar que a vaga para a qual está se candidatando atende a essas necessidades, explique como a empresa pode ajudá-lo a alcançar esses objetivos.

6. "Qual é a sua maior fraqueza?"

"Eu sou perfeccionista" é uma resposta que os recrutadores já estão cansados de ouvir. Além disso, esse tipo de resposta não explica o que você está disposto a fazer para superar os obstáculos e tornar-se um funcionário melhor. Logo, ao invés de dizer que você é comprometido com um alto grau de excelência e é perfeccionista, vá além. O segredo em revelar uma fraqueza é apresentar, imediatamente, uma solução para ela. Responda, por exemplo: "Eu tendo a fazer as tarefas mais simples primeiro e as mais complexas depois, mas eu sei que fazer o contrário é melhor para manter produtividade".

7. "Por que você quer trabalhar aqui?"

Novamente, essa é uma pergunta que visa descobrir qual é o seu interesse no trabalho. Veja cinco respostas que você pode dar para impressionar o empregador.

a) "Eu conheço vários colegas que trabalharam na sua empresa ao longo dos anos, e todos disseram coisas ótimas sobre a organização."

b) Eu fiquei entusiasmado ao ver no website da empresa declarações de funcionários sobre como é bom trabalhar aqui."

c) "A página do Facebook de vocês é realmente cativante! Eu adoro como vocês......(você destaca o que lhe chama atenção na página)"

d) "A sua empresa é conhecida por fabricar produtos que ajudam pessoas a fazer X. Mas, além disso, eu conheço o papel de liderança que vocês exercem na nossa comunidade ao apoiar X, Y e Z eventos ou causas. Seus produtos e seus trabalhos mostram como vocês se importam com a sociedade".

8. "Você gosta de trabalhar sozinho ou gosta de fazer parte de uma equipe?"

Se você responder que gosta de trabalhar sozinho, a empresa poderá entender que você é solitário e gosta de fazer as coisas só do seu jeito. Por outro lado, se você responder que gosta de trabahar apenas em grupo, você pode ser visto como uma pessoa que não consegue tomar decisões sozinha. Assim, a melhor maneira de responder a essa pergunta é dizendo que você gosta dos dois tipos de trabalho. Liste os prós e os contras de cada um. Por exemplo, trabalhar em grupo nos permite a desenvolver novas habilidades e a trocar ideias. No entanto, você também gosta da liberdade de trabalhar sozinho porque ela permite que o trabalho seja feito mais rapidamente, já que não há interrupções.

9. "Por que você saiu do seu último emprego?"

Não use essa situação como uma oportunidade para falar mal do seu antigo chefe ou da sua antiga empresa. Lembre-se que de que o recrutador vai checar suas referências. Seja verdadeiro e honesto, mas não foque nos pontos negativos. Conte o que você aprendeu com o seu trabalho anterior ou como ele o ajudou a crescer profissionalmente, e diga que você o deixou porque queria explorar novas possibilidades e sair da zona de conforto.

10. "Quais são as sua exigências em relação ao salário?"

Essa pergunta pode deixá-lo desconfortável. Além do mais, o entrevistador pode não ter o poder de negociar ou discutir seu salário. As empresas fazem essa pergunta porque querem ter certeza de que podem pagar pelo seu trabalho. Então, antes de mais nada, pesquise qual é o salário na indústria e no mercado. Então dê essas respostas à seguintes perguntas:

a) Pergunta: "Qual é a faixa salarial que você está buscando?"
"Vamos conversar sobre as exigências e as expectativas em relação ao trabalho, primeiro, para que eu possa entender o que você precisa."

b) Pergunta: "Quanto você está esperando ganhar, em termos de salário?"
"Estou interessado em encontrar um trabalho que seja bom para mim. Tenho certeza de que independente do salário que vocês pagam, ele é consistente com o resto do mercado". Em outras palavras, eu respeito a empresa, e acredito que a empresa me respeitará.

Quando responder a qualquer uma das perguntas acima em uma entrevista de emprego, seja você mesmo. Eventualmente, as pessoas vão descobrir quem você realmente é. Seja sincero também com você mesmo. Se uma entrevista não acontecer conforme o esperado, talvez não fosse para ser dessa forma. Você pode participar de outras. Não desista.